O mês Internacional da Saúde Mamária – conhecido mundialmente como Outubro Rosa – terá várias programações alusivas na cidade de Chapecó, com destaque para a palestra “CÂNCER DE MAMA – PREVENÇÃO E DIAGNÓSTICO PRECOCE, no dia 19 de outubro, às 19h30, na sala Agostinho Duarte do Centro de Cultura e Eventos em Chapecó. A ação será conduzida por médicos ligados à área oncológica, Márcia Kotz (oncologista clínica) e Mackey Zortea (mastologista) e será destinada ao público geral. O ingresso é 1 Kg de alimento não perecível.

O evento é promovido pelo Centro de Oncologia Unimed Chapecó, com apoio do Programa de Medicina Preventiva da Unimed Chapecó (Univida), da Secretaria Municipal de Saúde, Rede Feminina de Combate ao Câncer e Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó).

A programação do Outubro Rosa também envolve panfletagem no dia 16, além de atendimento ao público feminino, com orientações e informações sobre prevenção e diagnóstico precoce. No dia 28, das 14 às 17 horas, será realizado workshop, no auditório da Rede Feminina de Combate ao Câncer, com a participação de mulheres que tem ou tiveram diagnóstico de câncer de mama e fazem tratamento e/ou acompanhamento no Centro de Oncologia e na Rede Feminina de Combate ao Câncer.

O “Outubro Rosa” é um movimento popular reconhecido internacionalmente, que surgiu no Estado da Califórnia (Estados Unidos) em 1997. Posteriormente, com a aprovação do Congresso Americano, o mês de outubro tornou-se o mês de prevenção do câncer de mama. Atualmente é comemorado em todo o mundo e o nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.

A médica oncologista, Márcia Kotz, destaca que o objetivo dos eventos é reforçar a importância da prevenção e diagnóstico precoce, pois estas medidas e atitudes são as principais formas de melhorar a chance de cura.  As estatísticas revelam dados preocupantes. Em Santa Catarina, as estimativas do Instituto Nacional do Câncer (INCA) para o ano de 2010 apontam o diagnóstico de 1.570 casos. No Brasil, esse número é de 49.240 casos.

CÂNCER DE MAMA

“Conforme dados do Inca, o câncer de mama é o segundo tipo mais frequente no mundo e o mais comum entre as mulheres. A cada ano, cerca de 22% dos casos novos de câncer em mulheres são de mama”, salienta Márcia. Entre os fatores de risco estão a história na família, (principalmente mãe, filha, irmã), presença de mutação genética, primeira menstruação antes dos 12 anos de idade, idade avançada, terapia de reposição hormonal, obesidade, sedentarismo, consumo de álcool e tabagismo e outros cânceres anteriores já tratados.

O Programa Nacional de Controle do Câncer do Colo do Útero e de Mama recomenda a realização do exame clínico das mamas para mulheres de todas as faixas etárias pelo menos uma vez ao ano. A ação é desenvolvida de acordo com as recomendações do Consenso para Controle do câncer de mama e como parte do atendimento integral à mulher.

As formas mais eficazes para detecção precoce do câncer de mama são os exames clínicos da mama e a mamografia. “A mamografia é um procedimento importante na detecção precoce desse tipo de tumor na fase em que é mais fácil de ser tratado e curado, ou seja, na fase inicial de crescimento”, reforça o enfermeiro e coordenador do Centro de Oncologia Unimed Chapecó, José Weber.

As medidas de prevenção incluem hábitos de vida saudáveis como controle do peso, atividade física regular, alimentação equilibrada e saudável, não fumar e combater ao estresse, buscando um estilo de vida com bom humor e alegria, dentre outras.

PROJETO SAÚDE DA MULHER

Em conformidade com o terceiro item dos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio (ODM’s), “Igualdade entre sexos e valorização da mulher”, a Unimed Chapecó, através da Responsabilidade Social e Centro de Oncologia, desenvolve desde o início de 2010, o projeto “Saúde da Mulher”.

Muitas mulheres necessitam realizar exames de urgência, contudo, geralmente há muita demora na rede pública de saúde em função da demanda do município e região. Assim, a Unimed Chapecó, oferece de forma gratuita às 45 mulheres atendidas pela Rede Feminina de Combate ao Câncer de Chapecó, exame de mamografia de base. O objetivo é auxiliar no tratamento, promovendo bem-estar e qualidade de vida.

Através do projeto são elaboradas propostas de atividades, conforme a demanda, além de desenvolvimento de cronograma a ser executado no decorrer das ações. Os coordenadores do projeto, José Weber e a assistente social do setor de Responsabilidade Social da Unimed Chapecó, Juciele Wrublewski são responsáveis pela elaboração, execução e avaliação de todas as ações realizadas, sempre pautados na promoção da saúde, com foco na melhoria da autoestima e qualidade de vida.

O projeto também contempla palestras, atividades recreativas, culturais e de lazer, buscando construir a integralidade na assistência à saúde das mulheres portadoras do câncer de mama. “As ações procuram atender as necessidades e as expectativas das usuárias de acordo com a realidade de cada paciente da Rede Feminina”, salienta Juciele.

Mb Comunicação

Share

Comentários

Powered by Facebook Comments

Poste um Comentário
Nome:
E-mail:
Seu site ou blog:
Comentário: